Anote aí: "dá nós" de novo!


Foto: webix.com.br
Querer justificar que os erros dos árbitros baianos são erros comuns de arbitragem é um engodo quando o vemos errando sempre a favor do Bahia, que anda capenga em suas participações, principalmente no Baianão que não “mela” já faz tempo.
Depois de fazermos uma pesquisa em sites esportivos não encontramos caso igual ao que passa o nosso Vitória que teve onze pessoas notificadas, entre jogadores e dirigentes, pela Procuradoria do Tribunal de Justiça do Futebol da Bahia pela confusão causada pelo senhor Jailson Freitas (árbitro do jogo) no último BaVi.
Agora acusar onze do Vitória! É querer desestabilizar a equipe. É um absurdo.
O Vitória entrou mal no jogo. Agora que o Jailson Freitas entrou encomendado, é certo! 
Pra quê?
Se o Vitória ganha o último BaVi o campeonato está acabado. Ponto final.
E o pior é que não é só o Bahia que tem interesse em se manter bem no campeonato. Vejamos:
- Os dirigentes da Federação de Futebol do estado buscam deixar o campeonato baiano mais igual sempre costurando uma forma do Bahia chegar às finais com as desculpas de que: “uma final sem Vitória e Bahia não tem graça”.   
- A imprensa também tem interesse em ter o Bahia bem no certame, pois com os dois grandes bem os veículos de imprensa: rádio, jornal, TV e na web, alimenta a rivalidade incentivando os torcedores dos clubes e claro, aumentando suas audiência$, suas venda$, seus acesso$.E com uma aliada dessas faz-se parecer tudo normal. São “ene” resenhas diárias, colunas de jornais, e sites esportivos que justificam que: o juiz é humano, blá, blá, blá.
Olha é fato. Já faz quinze anos que mandamos no Baianão e não vai mudar. Todos os anos os caras são os campeões antecipados e que esse ano vai dá, mas sempre no final "dá nós".

0 Comentários