Rumo certo


                            Foto: cidadesdosesporte.com
Talvez depois desse primeiro Ba X Vi do  ano, nós  torcedores  rubro negros temos que dar a “mão à palmatória”. Não por causa da vitória no clássico. Mas depois de divulgadas as primeiras contratações, as quais nos deixaram com “um pé atrás” (desconfiança de torcedor), vemos hoje a coerência das mesmas que a nossa Diretoria vem realizando, o que difere muito das feitas no ano passado. Não que no ano passado o Vitória tivesse um plantel sem qualidade, muito pelo contrário. Tínhamos um plantel recheados de bons jogadores, o que chegava a incomodar a equipe técnica, a torcida e principalmente aos atletas, pois nomes como Ramon, Fernando, Soares, Renato, não serem titulares daquele do time, incomoda qualquer um. E ainda teve Cleber Pereira entre outros. Mas sabemos que só jogam onze. 
Na verdade a  nossa Diretoria contratou mal no ano passado. E talvez por isso o descenso para Série B.
Sabemos que a temporada está apenas começando, mas em visível que existe sustentabilidade na formação do atual elenco que é bem distribuído nas diversas posições, se fazendo uma mescla bem feita entre jogadores da base com contratações conscientes. Até a estrela contratada, o Geovanni, chegou sem muito alarde, mas com excelentes referências. Porém temos dois pontos e citar: 1. achamos que ainda cabe Petkovic no time, pois possui um futebol que dispensa comentários além de reforçar e bem o marketing do clube; 2. e a saída de Artur Maia para o Olympiakos não nos agrada, mas aí não sabemos da contabilidade da casa.
                                Foto: correio24horas.com
Resumindo:
Vemos que a manutenção do Antonio Lopes (foto acima) na frente da Comissão Técnica em 2011 e a chegada de Oscar Yamato (foto ao lado) para gerenciar o futebol foram as mais acertadas e importantes contratações que o Vitória realizou na busca do Pentacampeonato Baiano e principalmente pela volta à Primeira Divisão. Estamos no caminho certo.

0 Comentários